Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mia Amaral Gomes

"El dolce far niente"

Mia Amaral Gomes

"El dolce far niente"

Seg | 14.11.16

Família 🍀

Mia

Olá malta! 👋🏼

 

Este fim de semana passou a correr mas é com carinho que o recordo, toda a família (a que vive na minha casa) esteve reunida e nos tempos que correm isso é um previlégio! O meu pai há muitos anos que trabalha em Luanda, a minha irmã mudou-se para Barcelona, eu estou a estudar em Viseu... ou seja a nossa família numerosa ficou reduzida a duas pessoinhas que habitam a nossa casinha que vazia se torna uma mansão! Fomos jantar todos juntos e decidimos que ou íamos ao cinema ou íamos comer uma tripa*/bolacha americana! Bem satisfeitos caminhamos todos juntos até à porta do cinema e não houve nenhum filme que nos chamasse à atenção o que significa que decidimos todos pela parte gulosa! Adoro doces mas tripas e bolachas não são o meu predileto, optei por um chocolate quente de nutella! Coberto por chantilly e cacau em pó, naquela chávena estava algo cremoso, rico em chocolate, suave, doce mas não muito, estava algo quentinho que me deixou muito bem aconchegada! Foi ótimo estarmos todos ali em família, falamos, rimos e partilhámos.

 

"Ohana means family and family means nobody is left behind" 

 

IMG_7249.jpg

 Rodoviária Café - Anadia

 

 

Dom | 13.11.16

C Cream - Flormar vs. Kiko 💁🏽

Mia

Olá malta! 👋🏼

 

O CCream, depois da máscara de pestanas giratória*, é provavelmente a melhor invenção dos ultimos tempos. Quem o usa quer uniformizar o tom sa sua pele, o que vos trago hoje é verde para esconder as zonas mais vermelhas do meu rosto. 

Os CCream's são maravilhosos, eles existem em vários tons para se adaptarem da melhor maneira à nossa pele. Venho falar sobre o verde, para quem não sabe, o verde esconde as vermelhidões da cara, eu infelizmente sofro de rosácea e isso incomoda-me um bocadinho. É graças ao ccream posso andar muito mais tranquila. 

Como poderam constantar pelo título eu hoje vou comparar dois ccreams de duas marcas diferentes, lembrando que eu não sou patrocinada por nenhuma marca. 

 

Flormar:

0055655c76e854d4e8e848c37ca12838.jpg

  • Consistência: líquida (espalha-se lindamente com as mãos, pincel ou esponja);
  • Cheiro: agradável
  • Depois de aplicado: adapta-se ao nosso tom de pele;
  • Económico: muito económico tanto preço como pelo facto de ser necessária pouca quantidade para o resultado esperado;
  • Embalagem: fácil de transportar;
  • Abertura: às vezes torna-se dificil pela oleosidade das mãos;

 

KIKO:

n_1_p_km0010800100100_skin-tone-corrector-primer.j

  • Consistência: cremosa (semelhante ao creme nívea);
  • Cheiro: agradável;
  • Depois de aplicado: cobre muito pouco;
  • Económico: económico no preço, pouco económico na quantidade necessária para cobrir a vermelhidão;
  • Embalagem: esteticamente bonita e mais segura;
  • Abertura: libertação de muito pouca quantidade de creme;
Dom | 13.11.16

Papas maizena com morangos e suspiros 🍓

Mia

IMG_6741.jpg

 

Olá malta! 👋🏼

 

Ingredientes:

q.b. açúcar

1/2 litro leite

q.b. limão (zeste)

3 gemas de ovos

50 gramas de farinha maizena

q.b. morangos

q.b. suspiros

 

Confeção:

1. Num tacho dissolva as gemas com a farinha maizena. 

2. Adicione aos poucos o leite e a zeste de limão, mexendo sempre, de forma a evitar que se formem gromos. 

3. Adicione o açucar e deixe ferver mexendo sempre. 

4. Quando começar a ferver, tenha cuidado para não se agarrar ou queimar o creme. 

5. Já pronto, tire a zeste de limão, coloque o creme numa taça e cubra com pelicula aderente até arrefecer.

 

Montagem: 

1. Esmague os suspiros, lave e corte os morangos.

2. Disponha os suspiros e os morangos ao seu gosto, cubra com creme já preparado e assim sucessivamente.

Dom | 13.11.16

Mia

Mia

 

Coimbra.jpg

 

Olá malta! 👋🏼

 

Eu sou a Mia, tenho 25 anos e estou atualmente na licenciatura de Enfermagem naquela que é considerada a melhor universidade do país. 

Antes de estar nesta licenciatura eu estudei na Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra, onde fiz um curso equivalente ao 12º ano, um CET, e por fim uma Pós Graduação em Gestão Turística e Hoteleira na ESEC. 

Tive o meu primeiro emprego e despedi-me porque tive a plena certeza que nasci para ser uma enfermeira do caraças e não uma cozinheira. Não querendo com isto menosprezar o pessoal da área hoteleira porque são pessoas muito trabalhadoras e realizadas na sua profissão, coisa que eu não era e nunca iria ser. 

Vamos a isto! 

Sejam bem vindos!